Entenda o poder do Employer Branding para a uma empresa

Uma boa empresa é composta por um time de destaque. Sabemos que os profissionais que integram uma equipe são ativos importantes para o sucesso de uma marca. Porém, atrair e reter esses talentos requer investimento e reconhecimento por parte dos gestores. E é nessa fase que o Employer Branding entra em ação.

Os colaboradores são as peças que ajudam a conquistar metas, criar produtos incríveis e se diferenciar da concorrência. Por isso, se você quer aprender mais sobre esse conceito e como implementá-lo no seu negócio, este artigo é para você. Continue a leitura e confira!

O que é o Employer Branding?

Diferentemente de outros conceitos, o Employer Branding trabalha com um público-alvo diferente: nesse caso, o foco são os funcionários da empresa. O conceito envolve uma série de ações que buscam promover engajamento, bem-estar e retenção dos colaboradores.

Em outras palavras, ser uma empresa focada em Employer Branding é se transformar na empresa dos sonhos de qualquer funcionário. Mas, engana-se quem acredita que essa realização está ligada somente à remuneração. Os colaboradores têm buscado cada vez mais empresas flexíveis e transformadoras.

A definição desse termo, em uma tradução livre, é a reputação da sua marca como empregador. O sucesso dessas ações resultará na redução de custos nos processos de seleção e contratação, aumentando, assim, a retenção dos colaboradores.

Qual a importância desse conceito?

Você pode estar pensando se realmente vale a pena investir nos colaboradores, mas saiba que a resposta é sim. Pense em como é difícil fidelizar um cliente e transformá-lo em um divulgador da sua marca. Agora, imagine como isso pode ser muito mais simples se a venda for realizada por funcionários engajados e que acreditam na empresa.

Os colaboradores são os responsáveis diretos por vender os produtos e ideias do seu negócio. Por isso, nenhum consumidor se convencerá de que um produto é bom se nem mesmo quem o vende acredita.

Além disso, criar defensores da sua marca dentro do público interno faz com que a produtividade aumente. Um colaborador orgulhoso e satisfeito com o seu trabalho busca redobrar os esforços para atingir as metas da empresa e também as metas pessoais.

Como implementar o Employer Branding nas empresas?

A vantagem do Employer Branding é ser uma estratégia que pode e deve ser implementada em pequenas, médias e grandes empresas. O processo envolve iniciativas conjuntas com vários setores e, caso a empresa tenha um setor de recursos humanos, ele será a melhor indicação para organizar essas ações.

Veja, a seguir, de que forma ele deve ser implementado:

Tenha objetivos claros

Construa uma ação focada nos colaboradores, orientada pela cultura empresarial da sua empresa. Tenha objetivos claros e que estejam alinhados às metas da marca em relação aos consumidores.

Por exemplo: se a sua empresa é focada em resultados, crie objetivos e metas voltados a um rápido crescimento profissional. Não há metas e objetivos errados, pois cada empresa trabalhará com valores e prioridades diferentes.

Desenhe uma estratégia

Com objetivo traçado, é preciso verificar como as metas serão atingidas e qual setor será responsável por elas. Concentre-se na forma com que a sua empresa poderá se diferenciar da concorrência com estratégias consistentes.

Você não deve prometer o que não poderá cumprir, muito menos enganar os colaboradores com promessas maravilhosas, mas que só serão concretizadas em um futuro distante.

Analise o quadro atual

É preciso ser honesto e entender como os colaboradores enxergam a empresa. As pesquisas de clima organizacional são ótimas escolhas para mensurar como a equipe se sente em relação a diversos fatores: remuneração, ambiente, reconhecimento, estabilidade, relacionamento, entre outros.

Com o resultado em mãos, tente encontrar as fraquezas e revertê-las, a fim de transformar colaboradores desmotivados em funcionários que vestem a camisa da sua empresa.

Estabeleça atrativos

Pesquise e descubra quais são as prioridades e necessidades da sua equipe. Ofereça alguns atrativos como bônus, benefícios complementares, flexibilidade nos horários, home office ou melhora na qualidade de vida. Sem dúvida, uma equipe que é ouvida será mais produtiva.

Para transformar uma empresa, é preciso que todas as lideranças estejam envolvidas. E aí, a sua empresa já está pronta para investir em Employer Branding? Deixe a sua resposta no comentário deste post!

Deixar uma resposta