‘um dolce far niente sem culpa nenhuma…’

  Em um desses tempos livres – raros by the way – me veio de pensar justamente sobre ele, o tempo livre. Chamado ócio criativo (de Domenico de Masi), carpe … Continue reading ‘um dolce far niente sem culpa nenhuma…’

Seu cabelo, seu caráter.

 Namastê, limonescos! A intenção não é julgar ninguém pela aparência, muito menos criar estereótipos. Mas a imagem aí ao lado, nos faz refletir, não? São dois crânios idênticos, que representam … Continue reading Seu cabelo, seu caráter.

Velho gagá

Talvez esse post venha de boina e apoiado em uma bengalinha de madeira.  Afinal, a coisa mais moderna que existe nessa vida é envelhecer. Ser novo está démodé. Prova disso é … Continue reading Velho gagá

Brasil trabalhador.

Aqui a gente tarda. Mas não falha. Um dos melhores conselhos que Millôr Fernandes nos deixou foi: “Depois de bem ajustado o preço, a gente deve sempre trabalhar por amor … Continue reading Brasil trabalhador.