Desperdício

s.m. Ato de desperdiçar. / Gasto ou despesa inútil. / Esbanjamento, perda, desaproveitamento.

Tem se falado muito sobre racionamento de água, de energia, de papel.

Na falta de uma pauta sensacionalista, vira manchete.

É um circulo vicioso, por isso é sempre antigo… e sempre atual.

De tempos em tempos somos alertados pela mídia a praticar o racionamento dos recursos, mesmo pagando pelo excedente, além dos impostos.

O racionamento dura tempo suficiente para acreditarmos estar contribuindo, mas não o suficiente para que continuemos mantendo o hábito de viver bem sem exageros.

E é assim que a água desperdiçada causa falta de energia. Sem energia não temos anotações virtuais, assim gastamos papel, que acaba com as árvores e compromete a qualidade de vida. Então precisamos de mais água. E de tempo. Que já foi desperdiçado (e muito) atravessando todas essas fases. E como tempo é dinheiro… adivinhem quem fica com o ônus da situação toda, por simples ignorância e preguiça de colaborar?

E tem gente preocupada porque o supermercado não fornece sacolinhas plásticas…. quando temos programas de televisão que ocupam horas a fio durante o final de semana, sem oferecer o mínimo de informação e cultura aproveitáveis.

Já pensaram no desperdício do voto?


Priscila Medeiros é formada em Publicidade e Propaganda
Arte finalista na Ribsilk, blogueira, amante da boa música e louca por cinema.
Visite 
Prissílabas

Deixar uma resposta